Activated Magazine Online

Switch to desktop

Braços à minha volta

A felicidade é feita de muitas coisas: um sorriso de uma criança, o brilho dourado da alvorada, o abraço caloroso da pessoa amada, a saúde depois da doença. Mas essa felicidade é também transitória: uma criança não sorri sempre, o dia pode começar nublado e até com nuvens pesadas, a pessoa amada pode se afastar e a doença pode não passar. Há outra felicidade ainda mais profunda e duradora, que entra na nossa alma quando nos damos conta da amplidão e da profundidade do amor de Deus por nós, um amor que se personifica em Seu Filho, Jesus.

Encontrar Jesus é descobrir que apesar de suas fraquezas, incapacidades e desesperança, há uma força com a qual você pode contar, uma esperança na qual se firmar e um amor no qual se aninhar. Sim, “Feliz é o povo cujo Deus é o Senhor!”— Salmo 144:15

*

O Deus eterno é a tua habitação, e teu apoio são os braços eternos. — Deuteronômio 33:27

*

Ah… O amor de Deus! Em todos esses anos, jamais nos falhou. Quando caímos, nos levantou; quando nos desviamos, nos resgatou; quando desfalecemos, nos reavivou; quando pecamos, nos perdoou; quando choramos, nos confortou. Nos momentos de agonia, dúvida e quase desespero, como alguns podem lembrar, Ele nos bastou. — Rev. Canon Money, adaptado

*

Ajude-nos a jamais nos esquecermos do seu amor, mas nele permanecermos em tudo que fizermos, despertos ou adormecidos, vivos ou mortos, até ressuscitarmos para a vida que está por vir. Pois seu amor é vida eterna e descanso perpétuo. Que a chama desse amor jamais apague em nossos corações, mas cresça sempre brilhante e nos encha com sua luz e calor. — Oração de Johann Arndt (1551–1621), adaptação

*

Ó Deus, cujo sorriso está no céu,
Que faz Seu caminho no mar,
Mais uma vez, da peleja que se acirra na Terra
Voltamo-nos a Ti.
A Ti chegamos como os que da labuta retornam
Em busca de descanso e paz,
E do desvelo e cuidado da vida
Encontramos em ti descanso.
—John H. Holmes

*

Salvo em Jesus, meu Mestre,
Tenho perfeita paz,
Tal comunhão com Ele
Toda a aflição desfaz.
—Fanny Crosby (1820–1915)

Abi May (também creditada como Chris Hunt) foi contribuinte da Contato na Grã-Bretanha.

Copyright 2017 © Activated. Todos os direitos reservados.

Top Desktop version