Activated Magazine Online

Switch to desktop

O conselheiro

Sou perfeccionista. Gosto de fazer as coisas bem e sou muito atenta aos detalhes, por mais tempo que isso consuma. Percebi que, quando tomava decisões, minha principal motivação era evitar erros. Tentava me certificar de que meu trabalho e decisões pessoais fossem tão certos quanto possível.

Publicado em Orientação

YOLO ou Carpe Diem?

O acrônimo “YOLO” está se tornando cada vez mais popular. Significa “You only live once” (Você só vive uma vez). Astros do pop e celebridades o transformaram em uma frase de efeito para promover coisas malucas ou assumir riscos, porque, afinal, “você só vive uma vez”!

Publicado em A vida

Strawberry Fields Forever

Dizem que nossa vida depende de quatro decisões principais que nos tornam o que somos: a carreira que escolhemos, com quem nos casamos, as amizades que fazemos e nossas crenças. A meu ver, escolher no que acreditar é o mais importante, pois determina em grande parte o que acontece com o restante.

Publicado em Encontrar Jesus

Deus nunca nos desampara

Faz vários anos, logo no início de minha carreira de missionário voluntário, tive de tomar uma decisão importantíssima, uma situação que me torturou por vários dias, até que Deus atendeu às minhas orações e me orientou por meio de uma simples ilustração.

Publicado em Orientação

Pronto para uma mudança de carreira?

É comum se intensificarem em janeiro as buscas por emprego. Dependendo do lugar, o número de caçadores de oportunidades de trabalho chega a 40% da população economicamente ativa. Para alguns, é uma mudança lateral, pois buscam situações similares à anterior, enquanto outros estão à procura de avanços radicais em suas vidas profissionais.

Publicado em Ano-novo

Relaxe

O ministério de João Batista foi principalmente um trabalho preliminar do realizado por Jesus. A mensagem do primeiro foi de arrependimento e proclamava a chegada do Salvador. Alguns de seus seguidores permaneceram com ele, enquanto outros se converteram discípulos de Jesus1.

Publicado em A vida

A escolha certa

Naquele verão, meu pai surpreendeu minha irmã mais jovem e a mim anunciando que em vez de planejar nossas férias, nos daria o dinheiro que economizou para que nós decidíssemos como gastá-lo. Poderíamos economizá-lo, comprar o que escolhêssemos ou usá-lo para passarmos cinco dias de descanso à beira do lago. Depois de conversarmos e orarmos, minha irmã e eu, à época com 12 anos de idade, dissemos ao nosso pai que queríamos passar uma semana de férias à beira do lago.

Publicado em Orientação

Içar velas!

Meu amigo, Jack, vivia em uma casa ampla, em bairro residencial agradável e bem arborizado. Era um excelente lugar para criar os filhos, mas já faz tempo que eles cresceram, casaram e se mudaram. Há 15 anos, a empresa de Jack faliu e, a despeito de a lógica financeira e o bom senso indicarem que o casal deveria diminuir seus ativos e despesas, Jack e a esposa eram muito apegados ao seu lar e sempre adiaram a difícil decisão de se desfazerem dele. Ficaram com o imóvel, esperando que as coisas melho­rassem, mas, as dívidas se acumularam ao longo dos anos até que o inevitável aconteceu: tiveram de vender a casa. Infelizmente, o negócio se fez quando o mercado de imóveis desabara e o valor resultante da venda não bastou para quitar as dívidas.

Publicado em Orientação

Hora do lançamento

O homem não poderá descobrir oceanos se não tiver coragem de perder a terra de vista.
— André Gide (1869–1951)

*

Decisão é a faísca que provoca a ação. Até a decisão ser tomada, nada acon­tece. A decisão é a coragem diante dos desafios, pois os problemas não enfrentados jamais serão resolvidos.
— Wilferd Peterson (1900–1995)

Publicado em Orientação

Agentes livres

Já lhe aconteceu de estar diante de decisões impor­tantes para as quais precisava de orientações explícitas, mas sentir que Deus estava em “modo silencioso”, justo quando você mais gostaria que Ele lhe desse uma resposta precisa para ajudá-lo em uma decisão importante? Eu, já. E esses momentos são de verdadeiras dificuldades espirituais. Queria que o Senhor indicasse com clareza o caminho a seguir, mas, em Sua sabedoria, escolheu não me dar uma resposta direta. Por isso, precisei analisar as opções, buscar conselho divino, examinar as portas de oportunidade abertas à minha frente, orar muito e, principalmente, entregar­-Lhe meus caminhos. Tive de confiar que Ele direcionaria meus passos da maneira que Lhe parecesse melhor.

Publicado em Orientação
Pagina 1 de 3

Copyright 2017 © Activated. Todos os direitos reservados.

Top Desktop version