Activated Magazine Online

Switch to desktop

Nosso piquenique

Em um marcante dia de primavera, daqueles que fazem o coração cantar, nossa família fez um passeio ao Bodnant, um famoso jardim botânico no Norte do País de Gales. Durante duas horas nos maravilhamos nos 300 mil metros quadrados de relva e terraços, embebendo-nos das belezas, das cores e das fragrâncias que nos envolviam quando passávamos por entre rododendros, tulipas e lírios; admirando árvores enormes que se projetavam como se buscassem tocar o azulíssimo céu, emoldurado à distância palas montanhas da Snowdonia.

À hora do almoço, sentamo-nos para desfrutar nosso piquenique: sanduíches com queijo, presunto e tomates.

É importante aqui reconhecer a contribuição de John Montagu, Primeiro Lord do Almirantado da Marinha Real Britânica e Secretário de Estado. Conta a lenda que por andar sempre ocupado demais para uma refeição completa, pedia aos servos que lhe trouxessem carne entre duas fatias de pão, iguaria da qual se servia à escrivaninha de trabalho. E foi assim que o título do Conde de Sandwich de Montagu serviu de inspiração para batizar o prato rápido.

O pão é o alimento mais frequentemente mencionado na Bíblia. A palavra lehem — pão, em hebraico — aparece 295 vezes no Antigo Testamento. No Novo Testamento, escrito em grego, o termo é artos, e surge 98 vezes. A Bíblia fala de pão feito com trigo, com cevada, com centeio, com lentilha, com painço e até com maná. Eram cozidos sobre pedras chatas, grelhas de ferro ou talvez um forno. Tipicamente, o pão era plano, duro e nem sempre continha fermento.

“Dá-nos hoje o nosso pão cotidiano” — Jesus nos ensinou a orar.1 Obviamente, não é um pedido específico por pão, mas pelo alimento necessário para a vida, no sentido literal ou figurado. “Não só de pão vive o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus”2

Deus alimenta nossos corpos, nossas mentes e nossos espíritos. Ele prova nossas necessidades físicas e espirituais. E isso também faz o coração cantar. 

 

Faz crescer a erva para os animais,
e as plantas para o serviço do homem,
de sorte que da terra tire o seu alimento:
o vinho, que alegra o coração do homem,
o azeite que faz reluzir o seu rosto,
e o pão que fortalece o seu coração
—Salmo  104:14–15

 


1. Lucas 11:3
2. Mateus 4:4; Deuteronômio 8:3

Abi May (também creditada como Chris Hunt) foi contribuinte da Contato na Grã-Bretanha.

Copyright 2017 © Activated. Todos os direitos reservados.

Top Desktop version