Novos começos

Novos começos

Um desafio de ano novo

Aqui estamos, no limiar do Ano Novo, sem saber o que nos trará. Uma coisa é certa: podemos deixar o passado para trás com todas as suas inquietações, preocupações, sofrimentos, erros e falhas. Não podemos desfazer um único ato nem fazer voltar uma única palavra que proferimos, mas se entregarmos nossas angústias e pesares a Deus, Ele poderá nos dar um novo começo.

Os dias do ano passado estão fora do nosso alcance e aí devem permanecer. Deus cuida deles e não deveríamos voltar e nos atormentar com infelicidades. É triste ver como algumas pessoas dizem confiarem em Deus, mas, ao mesmo tempo, se preocupam com as marcas e manchas das páginas do passado.

Uma vez que recorremos a Deus, confessamos nossos erros, pecados e pedimos perdão, não devemos ficar remoendo o passado: “Eu, Eu mesmo, sou O que apago as tuas transgressões por amor de Mim, e dos teus pecados não Me lembro.”1 Se Deus não Se lembra deles, por que deveríamos nós?

A Bíblia também diz: “Não existe nenhuma condenação para as pessoas que estão unidas com Cristo Jesus.”2 Em vez de revisitarmos o passado, sentirmos remorso por isso e aquilo, e chorarmos pelas coisas que não podem ser mudadas, devemos nos lembrar da consoladora promessa de Deus: “Ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã.”3

Certa vez, li um poema que dizia: “Se eu pudesse encontrar a estrada para ontem, tomaria uma borracha e apagaria todos os ontens.” Não quero encontrar o caminho para ontem, porque não quero apagar nada! Somente Deus pode cobrir os erros do passado. Deus não tem o hábito de nos fazer reviver o passado. Quem iria querer fazer isso quando o futuro é tão radiante quanto as promessas de Deus?

Quando reflito no ano que temos pela frente, penso em todas as promessas na Palavra de Deus e nas coisas maravilhosas que podem acontecer porque elas são infalíveis, imutáveis e feitas para cada um de nós. Com todas essas promessas, por que voltar atrás, reler o passado e andar pela estrada para ontem?

Jesus já pagou a pena pelos nossos erros, portanto podemos e devemos dizer como o apóstolo Paulo: “Esqueço aquilo que fica para trás e avanço para o que está na minha frente. Corro direto para a linha de chegada a fim de conseguir o prêmio da vitória, […]a nova vida para a qual Deus me chamou por meio de Cristo Jesus.”4

Esqueça as coisas que ficam para trás! Esqueça-as! Avance rumo à meta e ao prêmio. Que pena é carregarmos o fardo do passado, quando o Senhor pagou um preço tão alto justamente para nos aliviar desse fardo e libertar!

Depois de uma pregação que fiz para um grande grupo de pessoas, um jovem me procurou. Ele saíra da prisão fazia pouco tempo e não conseguia acreditar que fosse tão fácil assim: que Deus poderia limpar seu passado se ele confessasse seus erros e pedisse a Jesus para entrar no seu coração e ser seu Salvador. Ele ficava falando de todos os seus erros. Estava além da sua capacidade acreditar que Deus pudesse perdoar um passado tão horrível, mas naquela noite entregou seu coração a Jesus, que o aliviou daquela carga. Jesus perdoou aquele homem e lhe deu uma liberdade que ele desconhecia. Depois disso, nunca mais parou de falar da misericórdia de Deus e de como o livrara do tormento do passado. E sempre repetia o trecho de um hino que tanto gostava: “Os meus ‘ontens’, tão cheios de culpa e vergonha, se foram. Glória ao Seu nome!”

Existe algo mais maravilhoso que o milagre do perdão e a garantia de que todos os seus erros foram perdoados? Esse maravilhoso perdão existe para todos nós. Jesus morreu por todos nós. Só precisamos aceitar Seu perdão e recebê-lO como Salvador. “Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda injustiça”5 Essa é a Sua promessa sem restrições e imutável para você.

Se ainda não conhece Aquele que pode levantar os fardos do seu passado e lhe dar um futuro brilhante neste mundo e a vida eterna no próximo, pode conhecê-lO hoje. Ele está humildemente à porta do seu coração, esperando que O convide a entrar. Apenas ore: “Jesus, por favor, entre em minha vida, perdoe meus pecados, encha-me com Seu amor e me conceda a Sua dádiva da vida eterna.”

1. Ver Isaías 43:25.
2. Romanos 8:1
3. Isaías 1:18
4. Filipenses 3:13–14
5. 1 João1:9
Virginia Brandt Berg

Virginia Brandt Berg

Virginia Brandt Berg (1898-1968) foi uma conhecida evangelista americana. Uma das pioneiras nos EUA na divulgação do Evangelho pelo rádio, apresentava o programa Meditation Moments (Momentos de Meditação), no qual lia mensagens de sua autoria. Escreveu também os livros “A Orla das suas Vestes” e “Ribeiros que Nunca Secam”. (Os textos escritos por Virginia Brandt Berg usados na Contato são adaptações.)

Mais nesta categoria « O diário Quebra-cabeça »
Copyright 2021 © Activated. All rights reserved.