Dia dos Namorados

Benignidade

Quando comecei a ler a Bíblia, uma palavra que capturou minha atenção foi “benignidade”. Produzia em mim uma sensação calorosa ler passagens como “Desposar-te-ei comigo para sempre; Eu te desposarei comigo em justiça, em juízo, em benignidade e em misericórdias”,1 ou “Há muito que o Senhor nos apareceu, dizendo: ‘Com amor eterno te amei; com benignidade te atraí’”,2 ou “[Deus] redime a tua vida da perdição; Ele te coroa de benignidade e de misericórdia”3 ou “Como é preciosa, ó Deus, a Tua benignidade! Por isso, os filhos dos homens se acolhem à sombra das Tuas asas.”4

Feliz Dia dos Namorados!

No Dia dos Namorados,é comum as pessoas que se amam trocarem presentes. Essa data me lembra principalmente o maior presente que Deus nos deu: Seu filho Jesus. Penso também como todo o amor que compartilhamos nesse dia tão romântico e o ano inteiro é possível justamente por causa do Seu amor. Para Ele, todo momento é de amor e doação. Quero seguir esse exemplo tanto quanto consiga.

Encontrei um poema que ganhou um significado especial para mim e expressa alguns presentes que recebemos no nosso eterno Namorado. Quando nossos copinhos de amor transbordam com Suas dádivas, ficamos com vontade de dividir esse amor com os outros, para que também o vivenciem.

O tesouro de São Valentim

Os livrosde História nos contam que durante o Festival de Lupercália -um evento que teria dado origem à atual celebração do Dia de São Valentim- era costume cada rapaz sortear uma jovem a quem ofereceria presentes e cortejaria durante o ano. Hoje em dia, esse tipo de escolha aleatória de namoradas não existe mais, mas, em 14 de fevereiro, apaixonados e apaixonadas em muitos países oferecem cartões e presentes para as pessoas por quem têm sentimentos românticos.

Copyright 2020 © Activated. All rights reserved.