Que diferença faz a fé!

Que diferença faz a fé!

Meu pai teve graves problemas de saúde mental que causaram muito sofrimento a ele, à minha mãe e a nós, sete irmãos. Tive uma infância muito infeliz.

Aos dois anos sofri sérias queimaduras quando uma panela de água fervente virou sobre mim. Até hoje ainda tenho as cicatrizes em várias partes do meu corpo.

Aos 17, desenvolvi glomerulonefrite, uma doença renal crônica que raramente ocorre em pessoas tão jovens.

Aos 20, contraí salmonela, que me manteve hospitalizado por seis semanas. Mal sobrevivi e a bactéria piorou as condições dos meus rins.

Sofri insuficiência renal total aos 37 anos. A maneira de continuar vivendo era fazendo hemodiálise três vezes por semana. Sem essas sessões de quatro horas para filtrar meu sangue, eu estaria morto em uma semana.

Dois anos e meio depois, minha irmã me doou um de seus rins e fiz um transplante, o que me libertou da hemodiálise, mas exigiu o uso de drogas imunossupressoras a cada doze horas para preservar minha vida, além de visitas regulares ao hospital para monitorar o novo órgão.

Cinco meses depois do transplante que salvou minha vida, minha linda esposa faleceu subitamente. Ela tinha 34 anos de idade. Fiquei sozinho com nossos cinco filhos pequenos e meus problemas de saúde. Foi uma perda devastadora, mas segui em frente. Casei novamente alguns anos depois com uma mulher maravilhosa, com quem tenho dois filhos.

Infelizmente, meu rim transplantado falhou dois anos atrás e novamente tenho de fazer hemodiálise para continuar vivendo. Hoje estou com 57 anos e aguardo um segundo transplante de rim.

Minha jornada médica incluiu períodos prolongados de saúde precária, muito tempo acamado, episódios de emergência com risco de morte, centenas de visitas a hospitais, milhares de agulhas, montanhas de remédios, inúmeros exames de sangue e outros procedimentos, várias cirurgias, muitas complicações e muitas internações. Sempre tem sido assim.

Sei que há muitas pessoas que tiveram vidas muito mais difíceis do que a minha, mas jamais conheci nenhuma delas. No entanto, apesar de tudo, ela tem sido ótima. Em meio a tudo isso, tenho sido feliz em meus casamentos com duas mulheres maravilhosas. Tive sete filhos lindos, servi a Deus como missionário e voluntário por 38 anos e já vivi ou visitei 18 países com muitos projetos empolgantes e produtivos, e muitas aventuras pelo caminho.

Como consegui me manter positivo, sacudir a poeira e dar a volta por cima de adversidades que pareciam golpes fatais? A resposta está em ter fé em Deus e na vida após a morte. Se você a tem:

  • Sabe que, mesmo desconhecendo os motivos de tanto “azar”, Deus os conhece, e Ele faz todas as coisas bem.1
  • Sabe que, mesmo que sua família e amigos não entendam pelo que você está passando, Deus entende.
  • Sabe que Ele ainda ama e cuida de você e que mesmo em meio a tremendos problemas e decepções, Ele nunca o deixará nem desamparará.2
  • Sabe que o próprio Jesus sofreu e, portanto, entende como você se sente e se solidariza com você, pois foi rejeitado, traído, zombado, torturado e, por fim, brutalmente executado.3
  • Você sabe que a Bíblia promete que “todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus.”4
  • Você sabe que pode encontrar alegria após o desespero porque Ele prometeu que, “o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.”5
  • Você sabe que um nocaute não é um golpe fatal. Com a ajuda do Senhor você pode se levantar e voltar à luta. “Porque sete vezes cairá o justo, e se levantará.”6
  • Você encontrará consolo na história bíblica de Jó, o rico latifundiário do Antigo Testamento que perdeu sua vasta fortuna, seus rebanhos, sua casa, seus filhos e, por fim a saúde, por uma série de terríveis catástrofes naturais e pessoais. Mas ele manteve sua fé em Deus.
  • Você sabe que o seu sofrimento pode lhe ensinar muitas lições preciosas, incluindo solidariedade e empatia pelos que estão sofrendo, e que você pode ser uma fonte de encorajamento para eles.
  • Você sabe que esta vida é preparação para a próxima e que as lições que aprende aqui têm valor eterno.
  • Você sabe que um dia estará totalmente curado no céu e pode contar com uma eternidade sem lágrimas, problemas, doenças e dores. “E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.”7

Se você não for crente, conecte-se a Deus agora, recebendo Jesus, Seu Filho, em seu coração, e comece sua jornada de fé hoje. Se você for novo na fé cristã, esforce-se por crescer e fortalecer sua fé estudando a Palavra de Deus, a Bíblia, e outros materiais cristãos que edificam a fé. “A fé vem pelo ouvir e o ouvir pela Palavra de Deus.”8

A fé faz toda a diferença na maneira como você se relaciona com as dificuldades. Valerá a pena o tempo e esforço que fizer para se fortalecer na fé em Deus.

1. Veja Marcos 7:37.
2. Veja Hebreus 13:5.
3. Veja Hebreus 4:15.
4. Romanos 8:28
5. Salmo 30:5
6. Provérbios 24:16
7. Apocalipse 21:4
8. Romanos 10:17

George Sosich

George Sosich é missionário cristão, músico e escritor. Vive no Japão.

Copyright 2021 © Activated. All rights reserved.