Um tipo diferente de saúde

Um tipo diferente de saúde

O primeiro bilionário foi o magnata dos negócios John D. Rockefeller (1839–1937). Conquistou seu primeiro milhão de dólares quando tinha apenas 23 anos e o primeiro bilhão aos 50. Estima-se que seu patrimônio líquido, tenha atingido, em valores de hoje, 418 bilhões em dólares, pelo que é considerado, de longe, o americano mais rico de todos os tempos e a pessoa mais abastada da história moderna.

Porém, aos 53 anos, adoeceu. Sentia dores em todo o corpo e perdeu todos os pelos do corpo. Com recursos para comprar qualquer coisa que quisesse e estivesse à venda, tudo que conseguia comer era biscoitos e leite. Um amigo escreveu: “John não conseguia dormir, não sorria nem via nenhum sentido na vida”. Em determinado momento, os médicos previram que não viveria mais de um ano.

Certa noite, sofrendo de insônia, pôs-se a pensar em sua vida, suas conquistas e a ponderar o fato de que não seria capaz de levar nenhum de seus sucessos consigo para o outro mundo. Sempre cultivara o hábito de doar parte de sua renda para boas causas, mas naquele momento decidiu que no pouco tempo que lhe restava doaria a maior parte de sua riqueza para hospitais, escolas e obras missionárias. Na área médica, esse trabalho acabou resultando em uma vacina para meningite cérebro-espinhal, a descoberta da penicilina e a cura para as cepas atuais de malária, tuberculose e difteria.

Entretanto, talvez o mais surpreendente na história de Rockefeller é que sua condição de saúde mudou com sua generosidade. O homem que parecia que morreria aos 53 viveu até os 98. Sempre se destacou por estabelecer e alcançar metas, mas foi quando abraçou a bondade e a generosidade que encontrou a felicidade e sua verdadeira vocação.

Apesar de não termos bilhões ou milhões para doar a causas nobres ou compartilhar com os necessitados, podemos aprender com a experiência de Rockefeller, encontrar paz e alegria ao fazermos nossa parte, sendo generosos com nossos recursos e com nosso tempo, para fazermos a diferença.

Tagged sob
Mário Sant’Ana

Mário Sant’Ana

Mário Sant’Ana é editor da revista Contato desde sua primeira edição, em 2001. Mário é fundador e diretor do Projeto Resgate, uma organização sem fins lucrativos em Joinville, SC.

Copyright 2021 © Activated. All rights reserved.