Idades e estágios

Aposentada?

“Você pode ensinar inglês para minha esposa?” Ouvi uma voz atrás de mim perguntar, quando eu escolhia legumes na feira livre do nosso bairro no Chile. Ao me virar, deparei-me com um estranho entusiasmado que disse: “Minha esposa precisa aprender inglês e acho que você é a pessoa certa para lhe ensinar.” Perplexa, expliquei que não era professora de inglês, mas ele não cedeu. Então, relutantemente escrevi meu número de telefone em um pedaço de papel e lhe entreguei.

Virando a página

Às vezes, é difícil aceitar que, para abraçarmos plenamente o futuro, devemos deixar para trás não só o passado distante, mas também o recente. Isso pode ser especialmente difícil em tempos de grandes transições, como quando se está saindo de um relacionamento, mudando de emprego ou de casa.

Um novo começo

Meu marido e eu recentemente voltamos a viver sozinhos. Nos 40 anos em que criamos dez filhos nunca me imaginei nesta situação!

Sempre fomos uma família muito unida, mas, como é típico, os filhos crescem e se mudam. Chorei em cada uma dessas separações, pois parecia que um pedaço do meu coração estava sendo arrancado.

Valorizando o envelhecimento

Desde que completei 70 anos, tenho pensado mais nas vantagens de envelhecer. Como muitos sabem, essa fase da vida chega trazendo perdas e dificuldades, mas também proporciona muitas coisas boas. Vou aqui compartilhar minhas experiências e reflexões a respeito desses benefícios. Entendo que nem todos os leitores têm idade para aplicar já este conteúdo às suas vidas, mas talvez tenham interesse em ler por amor a amigos e parentes mais velhos.

Reuniões de Quarta

Você não pensaria que ele estava falando com um grupo de idosos. Alguns estavam cadeiras de rodas; outros eram incapazes de falar, vítimas de demência ou do mal de Alzheimer.

Gesticulava com as mãos, com paixão falava de algum conceito profundo e, em seguida, ia para o quadro-negro com giz entre os dedos: “Quem pode me dizer o que paz significa? Você, Alberto, sim, diga-me e vou anotar. Maravilhoso! Vamos lá, gente, vamos enviar isto para o jornal!”

As fases da vida

Nosso grupo de teatro apresenta regularmente um esquete baseado em um monólogo da peça de Shakespeare Como lhe Aprouver, no qual o autor resume o ciclo da vida em sete fases: a criança que chora, o estudante relutante, o amante apaixonado, o soldado valoroso, o sábio juiz, o ancião e, por fim, a morte.

Um compromisso anual

Ha uns tres anos, meu pai convidou a mim e meus quatro irmãos, todos casados e com filhos, para irmos com ele e minha mãe para a Terra Santa. Aos 85 anos, fazia muito tempo que meu pai não viajava. Acho que, até essa decisão, sentia-se velho e preferia não viajar, mas isso foi superado pela combinação de dois desejos profundos: revisitar os lugares em que cresceu seu amado Jesus e viajar com sua família, algo que não fazíamos desde que éramos muito jovens.

Vida longa com Jesus

Meu pai viveu 101 anos e minha mãe, 99. Foram casados por 75 anos! Sobreviveram às duas Guerras Mundiais e tiveram nove filhos, dos quais, dois, os gêmeos, nascidos ao término da II Guerra Mundial, voltaram para o céu imediatamente após o parto. Tiveram também 19 netos e 19 bisnetos.

<Page 1 of 3>
Copyright 2020 © Activated. All rights reserved.